Header Ads

Pesquisa comprova que afastar-se do smartphone pode causar ansiedade


Os smartphones estão cada vez mais presentes no dia a dia das pessoas, chegando ao ponto de causar ansiedade ao quando os usuários ficam longe do aparelho. O estudo foi publicado pelo Journal of Computer-Mediated Communication.
smartphone celular


Na pesquisa participaram 40 pessoas, os coordenadores designaram aos participantes resolver um jogo de palavras no computador, onde foram informados que se tratava de um teste de medidor de pressão wireless. No experimento, os voluntários tiveram os batimentos cardíacos e pressão sanguínea monitorada, além disso, informavam o seu nível de ansiedade.


Pouco após iniciarem o teste, os pesquisadores pediram que os participantes ficassem longe dos seus smartphones para melhorar o desempenho na resolução do teste.

O resultado foi um pior desempenho quando os participantes ficaram longe de seus telefones. Em relação à primeira etapa do experimento, aumentou o nível de ansiedade, pressão sanguínea e batimentos cardíacos dos participantes.

Segundo Russell Clayton, doutorando da Universidade de Missouri e um dos coordenadores da pesquisa, ficar longe do smartphone, mesmo por pouco tempo, pode interferir no desempenho da capacidade cognitiva e tarefas mentais, devido ao fato do aparelho se tornar nossa extensão. Russell ainda aconselhou aos usuários que não fiquem longe de seus smartphones em momentos que necessitem prestar mais atenção, como em reuniões, testes ou conferências.



Cientifico.tv
Con la tecnología de Blogger.